8 de jun de 2016

Obesidade Infantil cresce no Brasil.

Vamos juntos aprender a dizer NÃO. Conheça o projeto: A Amil iniciou uma nova fase do seu movimento Obesidade Infantil NÃO, que, desde 2014, tem alertado milhares de brasileiros sobre a doença que atinge uma em cada três crianças no Brasil, segundo dados do Ministério da Saúde. Com o mote “Eu Digo Não”, a campanha deste ano visa alertar os pais para uma tarefa nada fácil na arte de educar: impor limites aos pequenos quando querem comer ou beber algo que foi proibido ou negado. A Organização Mundial de Saúde aponta a obesidade como um dos maiores problemas de saúde pública no mundo. A projeção é que, em 2025, cerca de 2,3 bilhões de adultos estejam com sobrepeso; e mais de 700 milhões, obesos. O número de crianças com sobrepeso e obesidade no mundo poderia chegar a 75 milhões, caso nada seja feito.No Brasil, a obesidade vem crescendo cada vez mais. Alguns levantamentos apontam que mais de 50% da população está acima do peso, ou seja, na faixa de sobrepeso e obesidade. Entre crianças, estaria em torno de 15%. Uma em cada três crianças no Brasil sofre de obesidade infantil. Não espere que elas mudem. Comece a mudança com você.